Carregando...
— Planos de aula

Quem é quem nas redes sociais

Como analisar criticamente o papel e as mensagens de influenciadores e outros autores digitais?

Eixo EducaMídia

Escrever Ler

  • Habilidades midiáticas
  • - Fluência digital
  • - Análise Crítica da Mídia
  • - Letramento da informação
  • Habilidades BNCC EF69LP01, EF69LP07, EF69LP19, EF69LP41, EF89LP02
  • Segmento Ensino Fundamental 2
    Ensino Médio
  • Duração sugerida2 aulas ou mais

Objetivos

Documentar e analisar um influenciador (ou outro autor digital como divulgador científico, artista, escritor etc.) com forte presença nas redes sociais, de modo a examinar contexto, propósito, valores e escolhas do autor e de sua mensagem. Refletir sobre o poder dos influenciadores e de que forma ele é utilizado. Refletir sobre nossas próprias possibilidades e responsabilidades enquanto autores.

Roteiro de aula

AULA 1 – QUEM SÃO OS INFLUENCIADORES?

ATIVAÇÃO

Utilize os slides da aula para apoiar a sequência didática abaixo.

10 min | Pergunte a seus alunos quais influenciadores ou outras personalidades/autores digitais eles acompanham em redes sociais. Questione o que mais os atrai nesses canais ou perfis.

Sugestão: usar as informações e perguntas do cartão “Influenciadores digitais” do conjunto de cards Sociedade Conectada para provocar reflexões. 

DESENVOLVIMENTO

25 min | Peça que os alunos dividam-se em grupos e que cada grupo escolha um dos influenciadores citados e alguns posts desse influenciador para analisar. O conteúdo deve ter sido publicado em uma rede social como Twitter, YouTube, TikTok ou Instagram. 

Eles deverão avaliar o maior número de informações que puderem, a partir de questões como:

  • Quem é esse autor e qual o seu propósito nas redes sociais?
  • Quem é a audiência dele?
  • Quais técnicas são usadas para atrair a atenção do público?
  • Quais valores, estilos de vida e pontos de vista estão representados?
  • Como o autor quer que eu me sinta? Ele quer que eu faça algo?

(Outras perguntas para apoiar a análise crítica de autores digitais e suas mensagens podem ser encontradas no Guia da Educação Midiática – pág. 94, ou utilize o PDF na seção de materiais)

FECHAMENTO

5 min | Peça aos alunos que reflitam sobre o alcance e o poder que tem um influenciador, e de que forma eles utilizam esse privilégio. Será que todos os influenciadores analisados pelos alunos utilizam seus canais para disseminar mensagens positivas e / ou contribuir para uma sociedade melhor? 

Em preparação para a segunda aula, peça aos alunos que pesquisem influenciadores e comunicadores que utilizam sua voz para o bem.

AULA 2 – SUPERLIGA DOS INFLUENCIADORES DO BEM

ATIVAÇÃO

10 min | Peça aos alunos que compartilhem suas descobertas sobre influenciadores que usam as redes para promover o bem. Se necessário, amplie a pesquisa dos alunos com outros exemplos – sobretudo exemplos de redes que eles talvez não utilizem, como Twitter. Busque apresentar influenciadores como divulgadores científicos, artistas, escritores e ativistas de várias áreas e temas.

DESENVOLVIMENTO

20 min | Após concluídas as apresentações, os alunos irão trabalhar em dupla para desenvolver cartas em estilo Super Trunfo sobre as pessoas que escolheram. Cada dupla fará, portanto, duas cartas. O objetivo será fazer um conjunto de cartas apresentando influenciadores que estão utilizando a sua voz e o seu alcance para impactar positivamente a sociedade. Oriente as seguintes etapas:

  • Anote: nome, idade, local de origem, profissão, rede que mais usa, número de seguidores, causa que promove. 
  • Crie: faça uma ilustração (colagem, desenho ou o que preferir) sobre essa pessoa e coloque em uma carta com as informações, no estilo Super Trunfo.
  • Colabore com os seus colegas: junte todas as cartas e vocês terão a Superliga dos Influenciadores do Bem! 

Sugestão: ofereça um modelo simples criado em Word ou Google Doc para que todas as cartas tenham o mesmo formato.

Se estiverem criando em formatos digitais, os alunos poderão publicar o resultado do seu trabalho em um site ou até mesmo nas redes sociais. Se o trabalho for feito com cartazes e desenhos, procure exibi-los em uma exposição em local movimentado da escola. O objetivo é dar visibilidade a esse trabalho e promover o uso saudável e fortalecedor das redes.

FECHAMENTO

10 min | Promova uma reflexão entre os alunos para que eles compartilhem os principais desafios de ser um produtor de conteúdo e de que maneira é possível construir uma relação empática e respeitosa com o público para comunicar sua mensagem. Discutam o poder que é comandar a atenção de um grande público, e o que podemos / devemos fazer com esse poder.

 

Criado por Daniela Machado e Mariana Ochs para www.educamidia.org.br

Este material foi produzido com apoio do Twitter Brasil
Todos os materiais disponíveis sob a licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional (CC BY 4.0)

Para explorar mais

Papo EducaMídia com Mariana Varella: Como fazer uso positivo das redes sociais?

Papo EducaMídia com Felipe Neto: Jovens e redes sociais

Live EducaMídia (para educadores): Participação Cidadã

Glossário Interativo EducaMídia: Hashtags

Glossário Interativo EducaMídia: Redes Sociais

FAÇA
PAR—
TE

Venha para nossa rede de educação midiática!
Fique por dentro das novidades

Receba gratuitamente nossa newsletter

Siga nossas redes sociais

Que tal usar nossa hashtag?

#educamidia

Utilizamos cookies essenciais para proporcionar uma melhor experiência. Ao continuar navegando, você concorda com a nossa Política de privacidade.

Política de privacidade