Carregando...
— Colunas e Artigos

Live Educamídia discute educação midiática e habilidades socioemocionais

Foto de João Costa
Autor João Costa Jornalista Sobre o autor

João Costa, para o Instituto Palavra Aberta Maura Marzocchi é formada em História com mestrado em Educação pela USP e hoje atua como consultora educacional na área de...

Imagem de destaque do post

João Costa, para o Instituto Palavra Aberta

Maura Marzocchi é formada em História com mestrado em Educação pela USP e hoje atua como consultora educacional na área de tecnologias da educação, além de ser uma grande defensora da educação midiática e, por essa razão, facilitadora do EducaMídia.

Ela foi a convidada da live semanal do EducaMídia da última semana de agosto para uma conversa no programa, que vai ao ar às quintas no Facebook e Youtube. O papo foi comandado por Mariana Mandelli, coordenadora de comunicação do Palavra Aberta.

O tema dessa vez foi um bastante popular entre os educadores: as chamadas habilidades socioemocionais, como empatia, resiliência, construção de vínculos afetivos e outras, que a escola deve ajudar a desenvolver nas crianças e jovens.

De acordo com Maura, as competências ou habilidades socioemocionais  são “uma caixinha de ferramenta com inúmeras possibilidades de que uma pessoa faz uso quando vai lidar com determinados acontecimentos ao longo da vida”.

“Quando a criança vai para a escola, as competências socioemocionais vão se desenvolvendo de outra maneira, pois  ela saí do contexto familiar e passa a ser socializada, a estar em relação com os outros. A escola tem o papel de fazer com que você aprenda a viver com o diferente, assim você se desenvolve como cidadão”, explicou Maura.

BNCC
De acordo com a educadora, todos os professores ao longo de sua trajetória, antes mesmo da Base Nacional Comum Curricular (BNCC), sempre desenvolveram as competências socioemocionais em seus alunos. “O que mudou é que de alguns anos para cá isso adquiriu um nome e foi organizado dentro de um contexto curricular”, ressaltou.

Maura destacou que esse processo tem a ver também com as demandas do mercado de trabalho, o que é consequência de todas as transformações que a gente vem vivendo ao longo dos últimos anos, pautadas especialmente pelo desenvolvimento tecnológico. “Isso está fazendo com que a nossa sociedade se transforme a ponto de a gente não saber o que será o mundo daqui a 20 anos”.

Educação midiática
Na avaliação de Maura, as competências socioemocionais e a educação midiática não podem mais andar separadas. Ela lembou que a discussão da educação midiática se dá em toda a BNCC, mas especialmente na quinta competência, que trata especificamente da cultura digital.

“Precisamos fazer com que o aluno leia o mundo das mais variadas maneiras, olhando para tudo que está ao seu entorno tentando entender que mensagem este entorno está trazendo, desenvolvendo empatia e criticidade ao ler e interpretar todos esses conteúdos”, disse.

Para assistir ao vídeo com Maura Marzocchi na íntegra, clique aqui.

Foto de João Costa

João Costa

Jornalista

Jornalista, desenvolve um trabalho com o propósito humanitário por meio da: "Filosofia da Evolução das Relações Humanas”.

Voltar ao topo
FAÇA
PAR—
TE

Venha para nossa rede de educação midiática!
Fique por dentro das novidades

Receba gratuitamente nossa newsletter

Siga nossas redes sociais

Que tal usar nossa hashtag?

#educamidia